Warning: Use of undefined constant REQUEST_URI - assumed 'REQUEST_URI' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /nfs/c03/h07/mnt/167717/domains/gardelrolim.com.br/html/wp-content/themes/betheme/functions.php on line 73
Artigo: Qual o papel da cidade na política de segurança pública? - Gardel Rolim Vereador de FortalezaGardel Rolim Vereador de Fortaleza
Inaugurado Ecoponto do Luciano Cavalcante
15 de julho de 2018
Novo hospital infantil será construído em Fortaleza
1 de agosto de 2018

A municipalidade tem um papel importante no combate à violência urbana, pois sua função primordial é atuar no flanco da prevenção, otimizando os recursos disponíveis para a construção de uma cidade mais includente e solidária.

O poder público precisa estar presente principalmente nas áreas onde os índices de violência são maiores, desenvolvendo ações de prevenção primária que envolvam: educação, saúde, cultura, cidadania, esporte, lazer e melhorias da infraestrutura.

Entre todas essas ações, podemos destacar a educação como a mais importante, pois não existe caminho para prevenir a violência que não passe pelo processo educativo que inclua também a família. Diante disso, a Prefeitura tem o papel fundamental de oferecer à população educação pública de qualidade, dando aos jovens e adultos a expectativa de que através da educação eles podem construir um futuro promissor.

Educação essa que deve começar, desde a primeira infância, sendo oferecida em espaços escolares com estrutura adequada à criança, de acordo com sua idade, e ensino que possa motivar ajudando a desenvolver as qualidades individuais de cada pequeno estudante, valorizando as aptidões de cada um.

O município pode também atuar incentivando os pequenos negócios, com a oferta de linhas de crédito aos empreendedores e criação de mecanismos de desburocratização, facilitando o acesso ao emprego e renda que traz dignidade à pessoa humana. Cada um ter a liberdade, a possibilidade e a oportunidade de começar o próprio negócio traz benefícios que refletem não só para o empreendedor, mas movimenta com sustentabilidade a economia local.

Embora constatando que a violência tem ganhado proporções gigantescas no Brasil, e sem excluir as responsabilidades dos órgãos constitucionalmente criados para viabilizar a Segurança Pública, entendemos que só um pacto nacional compreendendo todos os atores sociais, incluindo cada cidadão, pode construir uma saída no sentido de amenizar e refrear os efeitos nefastos da violência.

Gardel Rolim

Vereador de Fortaleza

Presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Legislação Participativa

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.